sexta-feira, 5 de outubro de 2018

PRESIDENTE, MEU VOTO É PRA QUE VOCÊ SEJA BOM!

"O BRASIL PRECISA MELHORAR! NÓS SOMOS O BRASIL!" - Anna Araújo

O que mais dói
O que mais dói não é sofrer saudade
Do amor querido que se encontra ausente
Nem a lembrança que o coração sente
Dos belos sonhos da primeira idade.
Não é também a dura crueldade
Do falso amigo, quando engana a gente,
Nem os martírios de uma dor latente,
Quando a moléstia o nosso corpo invade.
O que mais dói e o peito nos oprime,
E nos revolta mais que o próprio crime,
Não é perder da posição um grau.
É ver os votos de um país inteiro,
Desde o praciano ao camponês roceiro,
Pra eleger um presidente mau.
                                  Patativa do Assaré

Antologia Poética de Patativa do Assaré, organizada por Gilmar de Carvalho e publicada pela Edições Demócrito Rocha

quinta-feira, 19 de julho de 2018

QUAL A QUESTÃO

"APRENDI QUE DEVEMOS SER LEAIS, NÃO SOMENTE ÀS PESSOAS COMO TAMBÉM AO SENTIMENTO QUE TEMOS POR ELAS.  - Anna Araújo"

A questão é ser verdadeira com seus sentimentos, compreender que antes de nos relacionarmos com as pessoas temos um compromisso conosco e com o que sentimos por elas.

Muitas vezes quando um relacionamento acaba, as pessoas se separam, a vida segue... Porém, e este porém sempre atrapalha, ficam sentimentos que precisam ser trabalhados dentro de nós e, para isso precisamos ser honestos conosco. 

Ocorre que - não raras vezes - emendamos um relacionamento no outro, como se para resolver nosso interior tivéssemos que manter as aparências de que tudo está bem, que não estamos sós e que temos o controle de nossa vida. Casais se separam e buscam substitutos, substituem o outro ser como se fosse apenas uma questão de "ter alguém", como ter um carro - uma casa - uma roupa - um sapato... 

E os anos vão passando, vamos ficando sobrecarregados emocionalmente, vamos nos sentindo moralmente falidos por falharmos conosco (isto quando há alguma reflexão, um olhar para dentro), percebemos que nos falta algo - lembramos do passado e sabemos que ficou algo por resolver com alguém em algum lugar ou, as vezes, ficaram algumas coisas para resolver com algumas pessoas em alguns lugares...

Se houver um modo de voltar e resolver, sorte grande a nossa, tudo bem. E quando não há um modo de voltar no tempo, de reencontrar pessoas, de dialogar? Outra coisa, e se aquele sentimento só está mal resolvido para nós? - Porque, sim, o tempo passou e o outro se modificou e se libertou. E quando temos este entendimento, notamos que ficamos parados no "tempo emocional" que sequer tem importância atual para o outro, mas ainda tem para nós.

As pessoas não são todas "mal resolvidas" , algumas se dão tempo para sarar as feridas, algumas compreendem a importância de "estarem inteiras" numa nova relação, algumas vão se transformando interior e conscientemente... Graças a Deus nem todos são desertores de suas batalhas intimas, existem aqueles dentre nós que são mais equilibrados, que esperam o momento certo e sabem como digerir seus sentimentos, expressar suas angustias, superar suas frustrações, potencializar suas alegrias, cultivar suas certezas!

Quando eu crescer, espero ser melhor, bem melhor que sou hoje! Por enquanto, quando acerto - e se acerto é pelo muito que já errei - me sinto no dever de comemorar. Estou feliz comigo mesma hoje, estou sendo leal para comigo e para com meus sentimentos!

Qual a questão? - A questão é ser auto responsável, é não enganar a si mesmo nem ao outro... Ser melhor dia a dia, um dia de cada vez.

quarta-feira, 30 de maio de 2018

PIREI, FUGI

Bora fugir?
Aqui tá complicado...

Muita gente falando ao mesmo tempo, parece que a língua é a mesma, pelo jeito de falar e até pelos gestos, a língua só não é a mesma pelo modo de pensar... E do modo de pensar nem mesmo à compreensão podemos recorrer, ninguém entende ninguém.

Bora fugir?
Tá esquisito aqui...
Muita gente andando sem saber para onde, alguns sabem e mesmo assim parecem perdidos. Tem filho ignorando pai, tem amigo excluindo amigo, tem desconhecido que se torna membro da família em menos de meia hora de conversa - somente porque falam um ao outro o que se gosta de ouvir - é como uma sintonia mental quase umbilical, se é que me entende...

Bora fugir?
Tá meio quente aqui... Embora estejamos entre outono e inverno - nem mesmo eu sei mais, já que as estações estão instáveis e o tempo - até mesmo o do relógio - parece um tanto quanto descontrolado, fora do contexto...

Bora fugir?
Tá meio aflitivo aqui... É que acabei de lembrar que você tem alergia a mudanças... E aqui, na realidade bem aqui, tá tudo mudando. - Tenha calma, mesmo diante das atuais circunstâncias, existe uma misteriosa sensação de que TUDO parece muito igual.

Bora? Ei? Cadê você?
Tá cheio de gente aqui... E porque este vazio, este vazio repleto de você?

terça-feira, 15 de maio de 2018

OS DEGRAUS

Não desças os degraus do sonho 
Para não despertar os monstros. 
Não subas aos sótãos - onde 
Os deuses, por trás das suas máscaras, 
Ocultam o próprio enigma. 
Não desças, não subas, fica. 
O mistério está é na tua vida! 
E é um sonho louco este nosso mundo...

Mario Quintana



domingo, 18 de março de 2018

A VIDA É BELA

"A vida é bela, o amor é lindo e eu te amo porque masco chiclete!"

Parece tão piegas dizer isto, mas eu realmente acredito que a vida é bela. E existe a beleza que é subjetiva e a beleza concreta. Por exemplo, posso considerar um garoto feio ou bonito de acordo com meu estado de humor ou gosto particular. Mas não posso negar a beleza da lua cheia num céu estrelado!

Quando falo em vida, me refiro à vida em abundância - a vida como criação divina - que se manisfesta nas plantas, nos bichos, nas águas, nos alimentos, em todo o planeta e universos. Me refiro, em particular, à vida humana: nascemos, crescemos, nos tornamos plenos em nossas capacidades físicas, mentais e emocionais... vivemos e direcionamos nossa existência para a busca da felicidade! 

Toda vez que nos sentimos felizes, esta felicidade - no homem de bem - é produzida pelo movimento do amor. O amor é ação no bem! Ao agir para o bem, para o nosso bem e para o do outro, construímos um mundo melhor ao nosso redor... A sociedade melhora, nossa casa é beneficiada com esta alegria e vibrações de paz!

" A beleza da sua vida depende de você." - Nosso olhar deve ser educado - assim como os demais sentidos - para ver o bem, para promover a paz, para buscar o melhor no outro, para aprender através da reflexão do que se observa... Toda vez que escolhemos olhar com bondade e tolerância, educamos nosso "eu interior" para apreciar também o melhor em nós... Ao sermos bons e amorosos para com nosso próximo nos tornamos mais flexíveis e afetuosos para conosco.

Para sermos felizes, primeiro precisamos acreditar que merecemos ser felizes! E o exercício do amor, nem sempre precisa de uma explicação, de uma justificativa. - "Eu te amo! Nós nos amamos!" E pronto... Quem ama acredita no amor!!!

Texto baseado na reflexão 32, página 46, livro Sementes de Felicidade, 9ª edição 1997, autor Lourival Lopes.

quarta-feira, 28 de fevereiro de 2018

segunda-feira, 29 de janeiro de 2018

A SINTONIA DO CORAÇÃO

Qual a frequência do seu coração? Que qualidade de energia vibram suas ondas?

Muitas coisas aprendi ao longo do percurso que já percorri, algumas vezes ainda me pego olhando para trás - mas não com intenção de voltar - apenas com um pouco nostalgia da minha inocência e da capacidade de criar motivos próprios e independentes de alegrias e aventuras.

As leituras que me faziam viajar horas a fio, as musicas que me possibilitaram o primeiro contato com muitas coisas que eu sentia ms não sabia dizer, rodas de violão com amigos queridos, noites em claro conversando... Poemas belos e enormes em folhas de papel almaço!

O despertar do corpo, o frenesi mental, as conquistas, as desilusões, os dias frios que não me inspiravam a ficar em casa... Tantos aprendizados! O perder - o ganhar!

As responsabilidades de trabalho, de estudo, de amizade, de crença, de viver...

Os gostos que já não tenho, as vontades que já passaram, as pessoas que já se foram, a saudade que nunca morre, a vida que se renova, cicatrizes que engrandecem, cartas guardadas com sentimentos que já não são importantes...

Tudo, enfim, que contribuiu e contribuem para eu estar aqui - estar quem estou - e fatos marcantes que sempre estarão comigo pois harmonizam com "eu essência".

Sim, foram muitos erros - uns sabendo e outros sem saber... E estou muito tranquila que fortaleci e amadureci meu lado bom através de muitos deles.

Claro que prefiro me "gabar" dos acertos mas não é de bom tom nem educado, além do mais a vaidade é um dos pontos que preciso exterminar.

Me pergunto então: qual a frequência do meu coração? - sintonizo a vida e estou muito bem, vivendo!
Que qualidade de energia vibram suas ondas? - Na maior parte do tempo vibram coisas positivas e tenho procurado com afinco eliminar os ruídos que ainda insistem em atrapalhar minha comunicação com os meus e com Deus. 

E você, qual a sintonia do seu coração???

Foto by: Anna Araújo