sábado, 28 de julho de 2012

CONTRASTES DE IGUAIS

Ela me olhava insistentemente! Eu a olhava de soslaio!
Ela sorria tentando contato! Eu acenava fingindo menos interesse!

Ela se foi, me olhando e sorrindo!
A minha graça acabou ali!

Alguém me deu o telefone dela!
Eu imediatamente...

Nós, beijo!
Arrepios na espinha, frenesi e chama!

Ela poderosa!
Eu finjo ser!

Ela apaixonada!
Eu atenciosa!

Ela tagarela e espalhafatosa!
Eu calada (e as vezes surda)!

Ela ilusão, eu ressaca!
Revezamos: descaramento e timidez!

Uma humana, outra, exata...

terça-feira, 17 de julho de 2012

UFA!

Tempo todo preenchido, agenda cheia, compromissos extras, convites recusados.
Vontade fica, precisa ir, anda, apressa o passo, eu atrás. 


Eu atrás: cansada!



"...Derrame-me a Natureza sobre a cabeça ardente
O seu sol, a sua chava, o vento que me acha o cabelo,
E o resto que venha se vier, ou tiver que vir, ou não venha." 
(Tabacaria-Álvaro de Campos)